quarta-feira, 23 de Janeiro de 2013

"Ladino" conto de Miguel Torga

"Ladino" é o título de um dos contos do livro "Bichos", de Miguel Torga e é também o nome do protagonista deste conto, um pardal muito manhoso e cuidadoso.
 Através da personificação,  porque  Ladino comporta-se como um ser humano, o autor pretende criticar os que têm as mesmas características desta personagem, cujo nome resume toda a sua maneira de ser, "ladino" significa astuto, manhoso. Apesar de ter sido escrito há muito anos, o conto mantém -se atual, pois oportunistas como o Ladino, é o que não falta na sociedade atual.

RESUMO: Ladino é um pardal manhoso  e muito cuidadoso que vive alegremente, sem preocupações. Em pequeno, manteve-se no ninho, onde ficava todo o dia a dormitar, até ser “matulão, homem feito” e era a mãe que o alimentava pelo que não precisava de ir à luta; em adulto vive com muitas cautelas para que nada de mal lhe aconteça. Egoísta, só pensa em si e no seu bem-estar; vê os outros a passar fome mas ele não se incomoda com isso e sabe como se alimentar, mesmo em tempo de crise. Hipócrita, dá lições de moral aos outros, mas não as aplica a si mesmo. Cínico, faz-se desentendido quando a conversa não lhe agrada.

VOCABULÁRIO: Em toda a sua obra, Miguel Torga mantém uma forte ligação à terra em que nasceu, Trás-os-Montes e isso revela-se, também no vocabulário que utiliza.

FONTE: "Fora da estante"

Sem comentários: